EUA aumenta a partilha de informações com a Arábia Saudita

Os Estados Unidos estão a expandir a sua partilha de informações com a Arábia Saudita para fornecer mais informações sobre potenciais alvos na campanha aérea do reino contra milícias Houthi no Iêmen, disseram autoridades dos EUA à agência de notícias Reuters, no sábado.

As autoridades norte-americanas disseram que o apoio expandido inclui dados de inteligência sensíveis que permitirão aos sauditas rever melhor as metas do reino.

“Expandimos a abertura um pouco mais além do que estamos compartilhando com os nossos parceiros da Arábia Saudita”, disse um oficial dos EUA.

“Estamos ajudando-os a ter uma melhor noção do campo de batalha e o ponto da situação com as forças Houthi. Nós também estamos ajudando a identificar “áreas que eles devem evitar” para minimizar as possibilidades de vítimas civis, disse o funcionário.

A aliada Arábia Saudita teme que a violência possa se espalhar na fronteira que compartilha com o Iêmen, e também está preocupada com a influência do Irã xiita, que negou as acusações de sauditas afirmando que tem prestado apoio militar direto aos Houthis.

Washington tem estado sob pressão para fazer mais para ajudar a aliança liderada pela Arábia Saudita, que teme o avanço Houthi  e que está expandindo a influência do arquiinimigo Irã à sua fronteira.

O papel dos Estados Unidos agora se expandiu em tamanho e escopo, envolvendo “habilitação” mais detalhada das informações de segmentação preparada para os sauditas, com um interesse particular em ajudar os sauditas para evitar vítimas civis, de acordo com as autoridades norte-americanas.

A Casa Branca e o Pentágono não quiseram comentar especificamente quando perguntado sobre a expansão da partilha de informação.

“Os Estados Unidos estão oferecendo aos nossos parceiros necessária e oportuna inteligência para defender a Arábia Saudita e responder a outros esforços para apoiar o governo legítimo do Iêmen”, disse Alistair Baskey, um porta-voz da Casa Branca.

Até há poucos dias, o apoio de inteligência dos EUA se limitou a examinar a informação destinada a ArábiaSaudita para tentar afirmar sua precisão, disseram EUA e autoridades sauditas.

Na segunda-feira, o vice-secretário de Estado, Antony Blinken, falou em termos gerais sobre a cooperação alargada durante uma visita a Riad, sem revelar detalhes.

“A Arábia Saudita está enviando uma forte mensagem para os Houthis e seus aliados, que eles não podem superar o Iêmen pela força”, disse Blinken.

“Temos acelerado entregas de armas como parte desse esforço, aumentamos nossa partilha de informações, e  estabelecemos uma célula de planeamento e coordenação conjunta no centro de operações da Arábia Saudita”, acrescentou.

No início desta semana, um diplomata norte-americano disse que Washington estava acelerando entrega de suprimentos e reforçando a partilha de informações com a aliança liderada pela Arábia audita. O Pentágono disse que está começando a fazer o reabastecimento aéreo de jatos da coalizão de Árabes Unidos – embora fora do espaço aéreo do Iêmen.

http://english.alarabiya.net/en/News/middle-east/2015/04/11/U-S-boosts-intelligence-with-Saudi-in-Yemen-fight-.html

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s