A Autoridade Palestina se recusa a condenar a queima de uma igreja em Belém

Padre Gabriel denunciou a queima do Mosteiro San Charbel em Belém, que ocorreu nas primeiras horas da manhã de sábado, no bairro de Wadi Maali. Apelamos a Mahmoud Abbas para condenar o ataque e garantir a segurança dos Lugares Sagrados do cristianismo em seus territórios no futuro.

É exatamente esse tipo de atitude dos líderes da Autoridade Palestina que incentivam o vandalismo e o terrorismo contra locais cristãos, porque os extremistas palestinos sabem que não vão ser levados à justiça e punidos por seus atos.

Em contraste com o Estado de Israel, que protege os direitos de todos os cidadãos, incluindo as comunidades cristãs e muçulmanas, a Autoridade Palestina permite a corrupção e intimidação, especialmente para a sua população cristã. É por isso que lugares históricos como Belém tinham uma maioria cristã antes de que a Autoridade Palestina recebesse o controle desses territórios, agora têm apenas uma pequena porcentagem de cristãos, uma vez que eles foram expulsos devido a condições desfavoráveis e perseguição em contra.

Fonte: Padre Gabriel Naddaf em Português

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s