Os charlatões da jihad mascaram atentado terrorista nos EUA

Você está intrigado com o que está sendo dito sobre o ataque assassino ontem em San Bernandino por repórteres, funcionários e os chamados “especialistas”?

Afinal, sabemos que os autores eram dois muçulmanos fortemente armados e com coletes à prova de balas que mataram catorze civis inocentes e feriram muitos outros. Um membro da família descrito como um “religioso” teria trazido o outro da Arábia Saudita, um país cujas exportações principais são produtos de matriz energética e a supremacia islâmica.

Agentes da Irmandade Muçulmana rapidamente fizeram uma conferência de imprensa para insistir que este incidente pode ser – vejam só – “violência no local de trabalho”, como o massacre de Fort Hood, ou o resultado de um distúrbio de saúde mental. Outros afirmam que foi apenas o extremismo violento e que a resposta certa é o maior controle de armas.

A evidência disponível sugere que era realmente jihad. E lembre-se, isso aconteceu em um dos Estados mais controlados do país.

https://www.centerforsecuritypolicy.org/2015/12/03/it-sure-quacks-like-jihad/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s