Al-Qaeda no Iêmen mata mulher por apedrejamento

Militantes da Al-Qaeda apedrejaram até a morte uma mulher numa cidade do sudeste do Iême que controlam após acusá-la de adultério e prostituição, disseram várias testemunhas na segunda-feira.

Os militantes no domingo “colocaram a mulher em um buraco no meio do pátio de um edifício militar e apedrejaram-na até a morte na presença de dezenas de moradores” de Hadramawt capital provincial de Mukalla, disse uma testemunha.

Um jornalista local viu a cena e confirmou o apedrejamento raro, dizendo que os homens armados impediram fotografia da execução.

“Esta foi a primeira vez que vimos uma coisa dessas”, disse outra testemunha.

Uma cópia do suposto veredicto emitido pelo chamado tribunal de Hadramawt da Al-Qaeda Ansar al-Sharia em dezembro, afirma que a mulher casada “, confessou na frente dos juízes que cometeu adultério”.

O ramo da Al-Qaeda no Iêmen é considerado por Washington como o mais perigoso da filial da rede global.

O grupo se aproveitou da fraqueza do Estado para expandir seu controle em várias áreas, incluindo a vasta região de Hadramawt.

https://english.alarabiya.net/en/News/middle-east/2016/01/04/Qaeda-in-Yemen-stones-woman-to-death-for-adultery-.html
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s