Mais de mil civis morreram em ataques aéreos russos

BEIRUTE — O Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH) afirmou nesta quarta-feira que mais de mil civis, incluindo 238 crianças, morreram desde o início dos bombardeios russos na Síria, há quatro meses.

“Desde 30 de setembro, os ataques aéreos russos fizeram 3.049 mortos, incluindo 1.015 civis, destes 238 crianças e 137 mulheres”, informou o OSDH, um grupo de monitoramento com sede no Reino Unido que tem uma ampla rede de informantes em toda a Síria.

Dois terços das vítimas eram combatentes, incluindo 1.141 rebeldes e jihadistas da Frente al-Nusra, braço sírio da al-Qaeda, além de 893 membros do Estado Islâmico (EI).

Antiga aliada do regime de Bashar al-Assad, a Rússia afirma ter como alvo o EI e outros grupos que considera terroristas, mas países ocidentais e combatentes opositores acusam Moscou de centrar seus bombardeios nos rebeldes “moderados”.

De acordo com dados da ONU, mais de 260 mil pessoas morreram desde o início do conflito na Síria, em 2011, e milhões tiveram que fugir de suas casas.

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/mundo/mais-de-mil-civis-morreram-em-ataques-aereos-russos-na-siria-18510266#ixzz3xr1BNRDz
© 1996 – 2016. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s