Índia apresenta pelo menos 177 casos de perseguição contra cristãos, diz relatório em 2015

O relatório dos Irmãos Evangélicos da Índia disse que ao menos 177 casos de perseguição a cristãos foram registrados no último ano.

Segundo o documento, a maior incidência foi a violência física (68), com paradas durante o culto da igreja (18) e igrejas queimadas (18), prisões de pastores e irmãos cristãos (18) e estupros (3) também acontecem várias vezes.

Um caso de estupro envolveu uma freira no convento dela.

Dado que o governo indiano só registra casos de vitimização religiosa quando a polícia formalmente os arquiva, parece que muito mais casos de perseguição aos cristãos ocorreram em 2015 do que esses.

Os cristãos constituem cerca de 2,3% da população da Índia, igualando mais de 25 milhões de pessoas.

A perseguição dos crentes ocorre apesar da liberdade de religião ser considerada na Constituição da Índia, e o país ser uma parte em diversas declarações garantidas da liberdade de crença

Em 201,5 a vitimização foi pior para cristãos no estado central de Madhya Pradesh e Chhattisgarh, e no norte do estado de Uttar Pradesh.

Os muçulmanos também têm registrado níveis significativos de perseguição na Índia, de acordo com a EFI.

O relatório diz que em seis estados indianos a conversão para o Cristianismo ou Islamismo é proibido.

Fonte:  Premier

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s