Pena de morte bate recorde global dos últimos 25 anos, diz ONG

O ano passado registrou o recorde de execuções penais no mundo dos últimos 25 anos. Em 2015, pelo menos 1.634 pessoas sofreram a pena de morte nos cinco continentes, índice que representa um aumento de 54% frente ao ano anterior. E, embora a onda de oposição à pena capital ganhe força em termos políticos, alcançando mais de dois terços dos países, os severos métodos de execução e o número de pessoas que ainda devem enfrentar execuções no mundo continuam a preocupar organizações internacionais.

De todas as execuções registradas em 2015, quase 90% se concentram em apenas três países: Irã, Arábia Saudita e Paquistão. O relatório ressalta que, embora quatro países tenham abolido completamente a pena de morte no ano, as execuções sauditas cresceram em 76% na comparação ao ano anterior, alcançando pelo menos 158 pessoas.

Já o governo iraniano aplicou a pena capital a pelo menos 977 pessoas neste período, em sua maioria por conta de crimes relacionados a drogas. Segundo a Anistia Internacional, a execução de infratores juvenis — que cometeram crimes antes dos 18 anos — no Irã viola a legislação internacional.

Além dos crimes ligados às drogas, a maioria das execuções pelo mundo foram decorrentes de adultério, blasfêmia, corrupção, sequestro e questionamento das políticas de líderes nacionais. Após a condenação, os métodos de execução variaram entre decapitação, enforcamento, injeção letal e fuzilamento.

Nos próximos anos, outras milhares de mortes deverão ser levadas a cabo por diferentes governos. Em 2015, pelo menos 1.998 pessoas foram levadas ao corredor da morte para esperar o dia da sua execução — situação em que, no fim de 2015, se encontravam pelo menos 20.292 pessoas pelo mundo.

No entanto, não se sabe quanto o número global de pessoas executadas ainda pode ser maior, já que a China não divulga as suas execuções. Organizações internacionais acreditam que milhares de pessoas sejam executadas ao ano no país, que é considerado o maior aplicador da pena de morte do mundo.

Leia mais: http://extra.globo.com/noticias/mundo/pena-de-morte-bate-recorde-global-dos-ultimos-25-anos-diz-ong-19027489.html#ixzz453X9ZvCK

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s