Atentado a bomba deixa 14 mortos e 67 feridos em mercado nas Filipinas

Presidente estava em sua cidade natal; autoridades desconfiam de jihadistas.

DAVAO, Filipinas — Um atentado a bomba atingiu na noite desta sexta-feira um mercado da cidade de Davao, perto da casa do presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte. O governo confirmou que há 14 mortos e 67 feridos. As autoridades acreditam que o ataque tenha sido cometido por terroristas islâmicos.

Nas redes sociais, circulam imagens fortes dos efeitos da explosão. As imagens do local atingido — que estava lotado, como de costume nas noites de sexta-feira — mostravam destruição e corpos espalhados nos arredores, em frente ao hotel de luxo Marco Polo. Uma universidade próxima fechou as portas por segurança.

— As pessoas que vinham à escola para pedir ajuda estavam ensopadas de sangue — relatou o estudante John Rhyl Sialmo III.

Segundo as investigações preliminares, foram encontrados destroços de um artefato explosivo caseiro, informou o secretário de comunicação presidencial, Martin Andanar. Não foram identificados suspeitos.

— Há muitos elementos que estão furiosos com o nosso presidente e o nosso governo. Não descartamos a possibilidade de que narcotraficantes e islamitas] possam ser responsáveis disto, mas é muito cedo para especular.

O porta-voz Ernesto Abella pediu que a população “se abstenha de imprudentes especulações e evite aglomeração”.

Equipes de emergencia vão a mercado atingido por explosão em Davao, nas Filipinas – Twitter / Reprodução
Mais tarde, o governo disse que as autoridades “trabalham com a presunção de autoria” do grupo Abu Sayyaf, que jura lealdade ao Estado Islâmico.

O presidente filipino estava na cidade natal, mas não perto da região afetada. Segundo seu filho, Paolo Duterte (vice-prefeito da cidade), ele buscou refúgio em uma estação de polícia. No mesmo dia, num comício, o presidente brincara com rumores de planos para assassiná-lo.

Davao é a maior cidade do Sul das Filipinas, com uma população de quase dois milhões de habitantes, a uma distância de cerca de 1.500 quilômetros da capital, Manila. Duterte construiu lá sua carreira política, tendo sido prefeito da metrópole por 22 anos. Apesar de seus altos índices de segurança, Davao fica em Mindanao, ilha que sofre há décadas com episódios de violência do Abu Sayyaf.

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/mundo/atentado-bomba-deixa-14-mortos-67-feridos-em-mercado-nas-filipinas-20039882#ixzz4J8fjGcrQ
© 1996 – 2016. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s