Filipinas: Muçulmanos fuzilam pastor após tentativa frustrada de convencer cristãos a abandonarem suas propriedades

Não havia muçulmano em Sultan Kudarat (Filipinas), apenas cristãos. No entanto, assim que os muçulmanos começaram a se mover para a cidade, eles imediatamente construíram uma grande mesquita junto à igreja local e exigiram que os cristãos deixassem suas terras e partissem. Quando os cristãos disseram que não, os muçulmanos tomaram uma metralhadora, encontraram o pastor local dessa igreja, e brutalmente assassinaram o religioso.

Perfecto Padilla, 52 anos, um dedicado pastor da igreja estava descansando em uma rede do lado de fora de sua casa em Sultan Kudarat, Filipinas, quando homens armados em motocicletas o fuzilaram em 11 de setembro, segundo relatório da instituição “Voz dos Mártires” (VOM).

Naomi viu o que aconteceu, e ela imediatamente correu para seu pai, chorando e gritando por socorro.

Um pastor chamado William, que estava visitando um membro da igreja nas proximidades, ouviu o grito e foi imediatamente prestar assistência. Ele trouxe Perfecto para o hospital mais próximo, mas o pastor da igreja já estava morto.

“Nosso pai era um bom pai. Ele nunca fez nada de errado. Por que isso aconteceu com ele? “, Perguntou ela. Pessoas que conheciam Perfecto disseram que ele era um fiel seguidor de Jesus e um pastor dedicado à igreja.

O representante da VOM observou que a aldeia onde a família vive já foi um lugar tranquilo. Isso foi durante o tempo em que não havia muçulmanos residentes que nas proximidades.

Mas agora, os muçulmanos chegaram à aldeia e até construiu uma mesquita muito perto da igreja. O representante da VOM disse que os novos colonos muçulmanos têm vindo a tentar forçar os cristãos na aldeia para vender suas propriedades.

Após a incursão muçulmana, aldeias cristãs vizinhas foram atacadas por homens armados, o que levou alguns moradores cristãos a fugirem.

O representante da VOM disse que assassinato de Perfecto poderia ser parte do esquema dos muçulmanos para afastar os cristãos da área para que eles pudessem se apropriar de mais terras. (fonte)

Sim, aos olhos dos muçulmanos, ele fez algo de errado. Seu crime foi ser um cristão.

Isso está acontecendo em todo o mundo a cada dia, e se o Ocidente não parar a invasão muçulmana maciça de suas nações, então os cristãos aqui também vão sofrer como ele.

Maiores informações: http://shoebat.com/2016/09/30/muslims-move-into-christian-neighborhood-and-demand-christians-leave-christians-say-no-muslims-take-a-machine-gun-and-brutally-murder-the-local-pastor-in-front-of-his-home/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s