“Lei da blasfêmia” no Brasil?

Por Andréa Fernandes

Pedir pena de prisão para o cantor que chamou Jesus de “bicha” e “travesti” durante um show é aplicação tácita da “lei da blasfêmia” às avessas!

Assim como não aceitamos as perversidades promovidas em nome da sharia (lei islâmica) – que em países muçulmanos pune com prisão e em alguns casos, com a pena de morte aqueles que “ofendem” seu profeta – da mesma forma, não podemos aceitar que no maior país católico do mundo um cidadão seja preso por ofender o símbolo da fé majoritária, ainda que tenha previsão legal para tal ato. Se houvesse algum estímulo à violência, aí sim, caberia medida mais enérgica.

Prisão por motivo “religioso”, é na concepção da ONG Ecoando a Voz dos Mártires, um retrocesso equivalente ao deplorável medievalismo das tiranas penas islâmicas contra aqueles que não se submetem à sua cosmovisão!

Aliás, vale lembrar que na ONU os países que professam a suposta “religião da paz”, a saber, países muçulmanos estão tentando desde a década de 1990 promover a LEI DA BLASFÊMIA com JURISDIÇÃO GLOBAL. Ou seja, criticar Maomé pode vir a dar “cadeia” num futuro muito próximo!

Enfim, ainda que a atitude do cantor Johnny Hooker tenha sido abjeta por atacar de forma vil o símbolo religioso da maior parte da população brasileira, fato é que aplicar a pena de prisão trará a “justificativa” que faltava para servir ao repertório dos “discursos de ódio” presentes em movimentos da extrema esquerda hostis aos cristãos.

Todo extremismo religioso é por demais ameaçador e pode possibilitar a brecha necessária para articulações fundamentalistas muito mais perigosas e ainda desconhecidas pela opinião pública.

Imagem Tv Foco

*Andréa Fernandes é advogada, jornalista, internacionalista e Presidente da ONG Ecoando a Voz dos Mártires.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s