Brunei vai instaurar a Lei Sharia e punir sexo gay com apedrejamento

Ativistas estão divulgando os planos de Brunei para implementar a lei da Sharia, que puniria o sexo gay por lapidação.

A pequena nação asiática tornou-se a primeira na região a pôr em prática a lei religiosa muçulmana, em 2014. O sexo gay já é punido com até dez anos de prisão, mas as novas leis acrescentariam chicotadas e apedrejamentos às punições para aqueles considerados culpados.

Embora a intenção original fosse introduzir a lei da Sharia em três fases, ela nunca passou da primeira fase, devido aos apelos internacionais.

Essas duas etapas atrasadas estão marcadas para entrar em vigor em 3 de abril, de acordo com vários grupos de direitos humanos, segundo a  Reuters .

O Projeto Brunei, o ASEAN SOGIE Caucus e o OutRight Action International confirmaram a notícia.

Imagem South China Morning Post e informações Richard Dawkins Foundation

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s