Arquivo da tag: #cessar-fogo

Chibok: meninas casadas, nenhum cessar-fogo, diz Boko Haram em novo vídeo

Chibok: meninas casadas, nenhum cessar-fogo, diz Boko Haram em novo vídeo

 “Elas estão casadas e em casa com seus maridos”, disse o líder do Boko Haram, Abubakar Shekau, em um vídeo lançado no último sábado (11). Enquanto o mundo se pergunta onde estão e como estão as mais de 250 meninas sequestradas em Chibok, Nigéria, no ano passado, é essa resposta que o grupo espalha. “As ‘nossas’ meninas se converteram ao islamismo e confessaram que é a melhor religião. Ou os pais aceitam isso e se convertem também, ou eles podem morrer.”

14_Nigeria_BringBack

De acordo com um relatório da agência de notícias Reuters o vídeo foi filmado no estilo clássico do Boko Haram, mas o orador foi filmado a uma distância muito grande, impossível de identificação. Como de costume, o suposto líder estava no cerrado semideserto cercado por quatorze homens armados e mascarados com quatro jipes militares ao fundo. Dois dos homens armados estavam segurando bandeiras negras do Boko Haram.

Ele ainda negou a existência de um acordo de cessar-fogo com o governo e denunciou Danladi Ahmadu como representante do Boko Haram no Chade, como o governo tem falado. “Quem disse que estamos dialogando ou discutindo com alguém? Você está falando sozinho. Não conheço ninguém com o nome de Danladi. Se encontrá-lo agora, vamos cortar a cabeça dele”, diz o homem no vídeo. “Tudo o que estamos fazendo é abatendo pessoas com facões e atirando em pessoas com nossas armas. Vamos acabar com os cristãos. Guerra é o que queremos.”

Não houve resposta imediata do governo, que até a semana passada tinha esperança de um acordo de paz, que anunciam desde outubro. A insegurança no nordeste da Nigéria aumentou na semana passada, com a invasão de Mubi, a segunda maior cidade do estado de Adamawa, que representa um dos maiores centros comerciais do país.

Os militantes mataram dezenas de pessoas e obrigaram milhares a fugir quando eles invadiram a cidade, roubando bancos, incendiando o principal mercado e aproveitando o palácio do governo para içar sua bandeira negra. “Eu vi muitos corpos mortos no mato e muitas pessoas feridas estavam implorando por ajuda, especialmente crianças e mulheres”, disse James Audu, cristão que conseguiu escapar ao ataque.

Muitos milhares de cristãos que fugiam de ataques do Boko Haram no estado de Borno tinham encontrado refúgio em Mubi, mas a cidade está em perigo de ataque há muito tempo. Um mês atrás, o Boko Haram já havia avisado aos cristãos que a cidade seria atacada.

Pedidos de Oração

  • Ore pela graça de Deus pelas meninas sequestradas no Chibok.
  • Ore pelos membros do Boko Haram, que no meio dessas terríveis circunstâncias, experimentem a graça do Senhor, e que eles tenham esperança e a paz que excede todo o entendimento.
  • Ore também pelos pais e familiares dessas meninas, que sejam consolados, sustentados e fortalecidos em meio a essa provação.
  • Ore pelos órfãos e viúvas dos ataques às aldeias. Por favor, orem para que haja provisão não só física, mas também espiritual.
  • Ore por sabedoria e determinação para o governo encontrar uma solução para essa situação.

https://www.portasabertas.org.br/noticias/2015/04/Chibok-meninas_casadas_nenhum_cessar-fogo_diz_Boko_Haram_em_novo_video

Arábia Saudita recusa pedido do Irã de cessar-fogo no Iêmen

bia Saudita recusou pedidos iranianos para dar fim a seus ataques aéreos no vizinho Iêmen, neste domingo, dizendo que Teerã não deve interferir no conflito.

A Arábia Saudita e seus aliados árabes iniciaram ataques aéreos contra combatentes da milícia Houthi, aliados ao Irã, no Iêmen há mais de duas semanas, para tentar evitar que façam novos avanços.

“Como pode o Irã pedir para que nós paremos a luta no Iêmen… Viemos para o Iêmen para ajudar a autoridade legítima”, afirmou o chanceler saudita, Saud al-Faisal, na capital saudita Riad em uma conferência de imprensa.

(Reportagem de Angus McDowall e Ahmed Tolba)

http://noticias.terra.com.br/mundo/oriente-medio/arabia-saudita-recusa-pedido-do-ira-de-cessar-fogo-no-iemen,27db5fb5b7dac410VgnCLD200000b1bf46d0RCRD.html

Cruz Vermelha pede imediato cessar-fogo de 24 horas no Iêmen

O Comitê Internacional da Cruz Vermelha pediu um imediato cessar-fogo de 24 horas no Iêmen para a prestação de ajuda para o país árabe pobre, que está sob ataques aéreos sauditas.

A agência de ajuda disse em um comunicado no sábado que está “alarmada” com a “situação dramática” no Iêmen e ressaltou que as pessoas no país árabe precisam de alimento, água, itens médicos e pessoal.

“Todos as rotas aéreas, terrestres e marítimas devem ser abertas sem demora pelo menos por 24 horas para permitir que a ajuda possa alcançar as pessoas, tendo sido cortada depois de mais de uma semana de intensos ataques aéreos e … luta terrestre”, disse o comunicado, salientando que as chances de sobrevivência para os feridos “dependem de ação dentro de horas, não dias.”

A agência disse que os hospitais estão ficando sem medicamentos e equipamentos para salvar vidas, acrescentando que muitas partes do país também são atingidas pela falta de água, bem como os estoques de alimentos estão em declínio.

O pedido vem com a solicitação da Rússia, que convocou uma reunião de emergência do Conselho de Segurança da ONU no sábado, para pôr fim à guerra no Iêmen para fins humanitários.

A Cruz Vermelha havia dito anteriormente que a Arábia Saudita e seus aliados continuam a bloquear três carregamentos de ajuda e pessoal médico vinculado para o Iêmen.

A Campanha aérea da Arábia Saudita, no Iêmen começou em 26 de março, em uma tentativa de restaurar o poder do presidente fugitivo do país, Abd Rabbuh Mansur Hadi, um aliado próximo de Riad.

Segundo as últimas estimativas da Organização das Nações Unidas, pelo menos 519 pessoas, incluindo mulheres e crianças, perderam a vida desde que a agressão ilegal da Arábia Saudita começou.

Foto: Iemenitas cavar sepulturas em 04 de abril de 2015 para enterrar as vítimas de um ataque aéreo pela Arábia Saudita, na aldeia de Bani Matar, 70 km (43 milhas) a oeste da capital, Sanaa. © AFP

http://www.presstv.ir/Detail/2015/04/04/404695/Red-Cross-urges-ceasefire-in-Yemen