Arquivo da tag: #democratas-cristãos

Representante dos democratas cristãos suecos denuncia relativismo moral da União Europeia ao não condenar esfaqueamentos de civis israelenses e incitação à violência pelas lideranças palestinas

Muitas vezes vemos que os políticos da UE exigem uma investigação completa sobre o incitamento da violência palestina contra os líderes israelenses, mas graças ao Centro de Promoção das relações Europa-Israel, o tom mudou um pouco na última semana, quando Lars Adaktusson exigiu que a ajuda da UE à Autoridade Palestina continue a ser detida enquanto seguir com a sua incitação à violência contra civis israelenses.

Em seu discurso ao Parlamento Europeu, Adaktusson, que é um representante dos democratas cristãos suecos, membro da Comissão de Relações Exteriores e um fervoroso defensor de Israel, questionou os duplos padrões referentes à política externa da UE. “O representante continua a denunciar os esfaqueamentos e ataques terroristas em Israel, dizendo que o primeiro-ministro Netanyahu e presidente Mahmoud Abbas, ambos mostram a liderança e devem promover a paz. Com todo o respeito, quando civis israelenses inocentes são mortos em ataques terroristas repetidos, os representantes da União Europeia devem esforçar-se para fazer seu trabalho adequadamente; as recentes declarações do presidente palestino, que disse e cito: “Nós abençoamos cada gota de sangue de nossos mártires que foi derramada em Jerusalém.”

“Quando os representantes da UE vão condenar clara e fortemente os esfaqueamentos de civis israelenses e incitação pelos palestinos? Quando a Comissão irá abordar a propaganda e o antissemitismo da liderança palestina?”

Padre Gabriel Nadaf se reuniu com MEP Lars Adaktusson em Bruxelas pela primeira vez no ano passado e informou sobre a segurança de que a comunidade cristã em Israel goza, em contraste com a perseguição que existe em outros países da região. Padre Gabriel enfatizou sua decepção pelo facto de as organizações anti-Israel, como Breaking the Silence, B’Tselem, e outras estarem sendo financiadas pela UE, apesar de terem uma agenda claramente antissemita e espera que as diretrizes de pesquisa sejam implementadas quanto às razões pelas quais essas ONGs estão lutando.

Padre Gabriel Naddaf em Português