Arquivo da tag: #facada

Final do Ramadã na Indonésia: muçulmanos gritando “Allahu akbar” esfaqueia policial até a morte

“Os alegados militantes do ISIS matam policial na Indonésia” , AFP , 25 de junho de 2017 (graças a Lookmann):

Jakarta (AFP) – Dois supostos militantes do grupo Estado islâmico apunhalaram um policial até a morte no oeste da Indonésia, disseram autoridades no domingo, no último ataque dirigido a funcionários do país muçulmano mais populoso do mundo.

Os dois atacantes gritaram “Allahu Akbar”, ou Deus é maior, quando eles entraram em um posto de segurança na sede da polícia do Norte de Sumatra, na cidade de Medan, onde apunhalaram um policial, disseram autoridades.

Vários policiais lutaram contra os militantes, matando um e ferindo gravemente o outro.

“Suspeitamos que os criminosos tenham links com ISIS e Bahrun Naim, porque encontramos uma bandeira do ISIS, livros e CDs ligados a ISIS na casa de um atacante”, disse o porta-voz da polícia nacional, Setyo Wasisto, à AFP.

Bahrun Naim, um indonésio que está lutando com ISIS na Síria, foi acusado de dirigir uma série de tramas terroristas na maior parte do tempo em sua terra natal nos últimos anos.

Centenas de radicais da Indonésia reuniram-se no exterior para lutar com o ISIS, e o país viu um aumento nas parcelas e ataques ligados aos jihadistas no ano passado.

O ataque aconteceu algumas horas antes das orações do Eid, inclusive na sede da polícia de North Sumatra, como parte das celebrações de Eid al-Fitr que marcam o fim do santo mês de jejum do Ramadã ….

https://www.jihadwatch.org/2017/06/ramadan-finale-in-indonesia-muslims-screaming-allahu-akbar-stab-police-officer-to-death

Austrália: Muçulmano esfaqueia até a morte sua esposa por rejeitar o islã e se converter ao cristianismo

Uma muçulmana na Austrália rejeitou o Islã, Maomé e Alá deixando o marido tão enfurecido com essa atitude a ponto do muçulmano esfaqueá-la até a morte.

Uma mulher iraniana cristã foi morta a facadas em sua casa na Austrália.  O corpo de Nasrin ABEK, 35 anos, foi descoberto em seu apartamento em Sydney, com várias facadas. Seu marido Amir Darbanou, 42, foi acusado pelo assassinato na quinta-feira.

A polícia foi alertada depois que o pai da Sra ABEK supostamente entrou em contato com a entidade policial depois de receber um telefonema de Darbanou na quarta-feira à noite.

Nasrin ABEK tinha recentemente se convertido ao Cristianismo. Ela e o marido tinham vivido na Austrália por quatro anos.

Em declarações ao jornal, “Kings Cross”, o Superintendente Michael Fitzgerald disse que a polícia recuperou o que poderia ser a arma usada para matar a Sra ABEK no aterro onde o lixo de seu bloco de apartamentos foi esvaziado.

Ele disse: “Nós não estamos olhando para quaisquer outros suspeitos nesta matéria.

Maiores informações: http://shoebat.com/2016/09/30/muslim-woman-in-australia-rejects-muhammad-and-allah-and-accepts-jesus-christ-as-her-messiah-her-husband-gets-so-enraged-that-he-takes-a-knife-and-stabs-her-to-death/