Arquivo da tag: #olimpíada

PF diz que presos na Operação Hashtag queriam extermínio em massa nos Jogos

Os modelos de atentados eram discutidos por e-mail e pelo aplicativo de mensagens Telegram, em um grupo fechado chamado “Jundallah”

O grupo suspeito de planejar um atentado terrorista durante os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro pensava em usar armas químicas nos ataque. Segundo a Polícia Federal, o plano era contaminar uma estação de abastecimento de água. Os modelos de atentados eram discutidos por e-mail e pelo aplicativo de mensagens Telegram, em um grupo fechado chamado “Jundallah” (Soldados de Deus, em português).

Veja mais: Em vídeo, jihadista diz que Estado Islâmico “rezará em Roma”

A troca de mensagens entre os suspeitos estão sob poder da Polícia Federal. Ao todo, 15 pessoas foram detidas na “Operação Hashtag” entre os dias 21 de julho e 11 de agosto, no início dos Jogos Olímpicos. A conversa do grupo começou a ser monitorada em março pela PF, através de um informante infiltrado. O alerta à Polícia Federal foi dado pelo FBI.

A PF tem até o dia 9 de setembro para apresentar à Justiça Federal as análises do material apreendido com os suspeitos. O juiz do caso, Marcos Josegrei da Silva, renovou até o dia 18 a prisão temporária de 12 pessoas.

Leia mais: Estado Islâmico mata casal de policiais na França e mostra imagens ao vivo 

Caso algum suspeito seja indiciado e condenado, o Brasil aplicará pela primeira vez a Lei Antiterrorismo, sancionada pela ex-presidente Dilma Rousseff em março.

Ameaças

Conforme divulgado pela ANSA em julho, os suspeitos de terrorismo e outros seguidores do grupo Estado Islâmico (EI) chegaram a falar também em sequestros, envenenamentos, uso de drones e acidentes de carro como táticas para aterrorizar o Brasil durante os Jogos Olímpicos.

Leia também: Estado Islâmico planejou ataques no Brasil, afirma agência francesa

As sugestões de atentados foram divulgadas em vários grupos de redes sociais no exterior.

Fonte: iG Olimpiadas – iG @ http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2016-09-02/estado-islamico-brasil.html

Governo monitora recrutamento de jovens brasileiros pelo Estado Islâmico

Durante reunião para tratar da segurança da Olimpíada, assunto veio à tona como preocupação dos órgãos de inteligência. Segundo reportagem do Estado de São Paulo, mais de 10 jovens convertidos foram identificados nas redes sociais tentando  influenciar sírios que moram no país e podem aumentar o número de militantes no grupo armado radical. Vários órgãos estão alertando para o problema através de relatórios dirigidos ao governo.
No entanto, apesar de tamanha gravidade quanto à segurança do país, ainda não houve menção do governo ou imprensa acerca da necessária elaboração de lei tipificando o terrorismo como crime no Brasil.